Inteligência de dados: 4 motivos para utilizá-la no atendimento ao cliente

A pandemia do coronavírus trouxe um novo cenário à área de atendimento ao cliente, com aumento das interações online, o que demanda estratégias inovadoras por parte das companhias, como a inteligência de dados.

Desde meados de fevereiro, estima-se que houve um aumento de 101% no volume de atendimentos corporativos realizados por WhatsApp e 34% a mais em chats, por exemplo.

Apesar da migração para canais virtuais de atendimento, a inteligência de dados ainda não é uma realidade no Brasil. Segundo a IBM, apenas 1% dos dados corporativos é utilizado de forma efetiva em análises nas grandes empresas e 33% das empresas brasileiras nunca usaram Big Data.

Leia também: 7 passos para otimizar a gestão da experiência do cliente

Portanto, antes de reformular a estratégia de atendimento é importante que gestores avaliem quais os melhores investimentos. Saiba mais abaixo!

Por que investir em inteligência de dados para atendimento ao cliente?

É essencial que as empresas invistam em tecnologia para conseguir atender ao aumento da demanda por atendimentos online, mas que também proporcionem uma experiência satisfatória aos consumidores.

A inteligência de dados atende essas duas demandas, pois dá fôlego à operação, garantindo escalabilidade, e promove personalização dos atendimentos, o que gera qualidade e fidelização de clientes. Destacamos abaixo 4 vantagens dessa solução.

1. Competitividade

O comportamento do consumidor mudou e agora eles estão mais atentos à qualidade do atendimento e avaliações da empresa antes de fazer uma compra.

Dessa forma, ao proporcionar uma experiência satisfatória no atendimento aos seus atuais clientes, gerando uma imagem positiva e boas avaliações, a empresa aumenta as chances de impactar novos consumidores.

Atualmente, a competitividade da companhia está diretamente relacionada com promover experiências de compra e atendimento mais satisfatórias e a inteligência de dados contribui gerando informações valiosas sobre o relacionamento com o cliente.

Veja também: Como a inteligência competitiva melhora a experiência ao cliente?

2. Inovação

Com a migração massiva dos consumidores para os canais digitais, a inovação é essencial para atender às novas demandas do público, sendo fundamental à operação das marcas.

A inteligência de dados, pela baixa adesão das empresas nacionais, permite que a empresa possa inovar e gerar diferenciais relacionados à:

  • Personalizar o atendimento
  • Mapear a jornada de compra
  • Integrar canais de atendimento
  • Identificar mudanças de comportamento
  • Explorar novas oportunidades de negócio
  • Fortalecer o relacionamento com o consumidor

Saiba ainda: Saiba como a tecnologia no atendimento ao cliente otimiza os processos

Com isso, o investimento em inovação garante que a empresa esteja alinhada com as expectativas dos consumidores e diferencie-se das concorrentes.

3. Desempenho

Por meio da inteligência de dados é possível coletar informações estratégicas da operação, gerando KPIs – Indicadores-chave de desempenho – mais relevantes e confiáveis quanto ao relacionamento com o consumidor e a operação da área de atendimento como um todo.

Com a geração de relatórios estratégicos, a marca consegue otimizar sua operação, tornando-se mais assertiva em cada tarefa executada.

4. Estratégia

Por meio da inteligência de dados é possível melhorar a atuação de mercado e ter um atendimento ao cliente mais estratégico.

Isso se deve à capacidade da companhia de identificar demandas e tendências e direcionar esforços para realização dos objetivos estipulados, reduzindo atritos no percurso, prejuízos na operação, má reputação ou insatisfação dos clientes.

O aprimoramento da estratégia de atendimento deve ser constante, monitorando mudanças no comportamento para ter uma atuação proativa e não apenas responsiva.

Leia mais: Como a inteligência de dados impacta sua estratégia de comunicação?

Como incorporar a inteligência de dados à estratégia?

A adoção da inteligência de dados na estratégia de atendimento ao cliente depende do investimento correto em tecnologia.

O Olos Channel, por exemplo, é uma plataforma omnichannel que permite a coleta e análise de dados dos clientes em diferentes canais de atendimento, de forma que a experiência de atendimento seja satisfatória independentemente do canal selecionado.

A tecnologia da Olos garante que a empresa possa incorporar a inteligência de dados às suas práticas cotidianas por meio do acompanhamento de tendências e preferências dos usuários, monitoramento ativo da jornada do cliente e personalização dos contatos.

Quer saber mais sobre a Olos Tecnologia e suas soluções? Veja aqui as soluções de contact center!

Baixe agora o nosso Guia do Relacionamento com o Cliente e saiba como implementar agentes digitais em sua empresa.

Deixe uma resposta